População de São Desidério comemora chegada de 2018 em Réveillon na Orla

Alegria, músicas e show pirotécnico marcaram a chegada do ano de 2018 em São Desidério. Na Orla da Barragem, local da festa da virada preparada pela Prefeitura Municipal por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (SECULT), os participantes confraternizaram com animação de shows musicais conduzidos por artistas da terra.

A professora Luciane Vieira veio de Barreiras para participar do evento. “Vim exclusivamente para prestigiar a festa do Réveillon na Orla e assistir a queima de fogos ao lado dos familiares e amigos. A festa estava linda e bem organizada, desde a entrada do local, o que mostra a preocupação da organização com a segurança dos participantes. A Prefeitura está de parabéns em valorizar os artistas da cidade, dando a oportunidade de se apresentarem no evento. Estava tudo bem organizado e eu me diverti muito”.

Um show pirotécnico iluminou o céu de São Desidério nos primeiros minutos de 2018 celebrando a chegada do novo ano. No palco, uma mistura de ritmos embalou um grande público e só terminou ao amanhecer do dia 1º, com um cortejo pelas principais ruas da cidade ao som de marchinhas com a Banda Sopra Sax.

“Foram 365 dias em que só temos que agradecer a Deus por tudo, 2017 nos ensinou muitas coisas que levaremos para o resto da vida, mas estar ao lado do nosso povo por todos esses dias, é o que de mais gratificante nos aconteceu. Neste momento de festa, estamos confraternizando com alegria, o resultado de um ano de muitas conquistas. O povo de São Desidério pode esperar muito mais trabalho do Executivo para 2018. Desejo um ano com muita paz, saúde e cheio de realizações para todos”, desejou o prefeito Zé Carlos.

“Trabalhamos muito em 2017 e encerramos com um imenso sorriso de contentamento, afinal não há nada mais importante para nós do que ver nosso povo feliz. Ficam os momentos de alegria, aprendizados e as lições. Grato a Deus sobre todas as coisas, a nosso prefeito Zé Carlos pela confiança e apoio, a família SECULT e a todo Governo da Justiça Social e Progresso, e em especial aqueles que de fato são os donos da festa, o povo de São Desidério”, avaliou o secretário da SECULT, Josivaldo Oliveira.

Por Ana Lúcia Souza
Fotos: Arquivo Ascom

  • Compartilhe: