Secretaria de Educação de São Desidério realiza live sobre projeto de Educação Ambiental

A Secretaria de Educação de São Desidério (SEDUC) realizou na manhã de hoje, 08, uma live para apresentação do Projeto de Educação Ambiental, desenvolvido em toda rede municipal de ensino. Intitulada Vida Cerrado: Alimento e Cura, a live teve formato de diálogo com a participação da moradora e associada da Comunidade Geraiseira de Ponte de Mateus (COMGEPOM), Manuella, do membro da Comissão do Projeto Geoparque de São Desidério, Georghinton Diego e do Mestre e Doutor em Geografia, Valney Rigonato.

 

O Projeto desenvolvido na rede municipal é interdisciplinar e trabalha com os alunos a identificação e investigação dos alimentos do cerrado presentes no cotidiano das comunidades onde estão inseridos. “Como é impossível falar de interação com a comunidade sem considerar as diversas identidades e os saberes que são passados a cada geração, os professores também estimulam a pesquisa com os moradores sobre o uso das plantas, frutos, raízes que são utilizados como alimento e como fitoterápico para curar doenças que são tratadas na própria comunidade”, explicou a responsável por projetos de Educação Ambiental da SEDUC, Anna Cláudia Soares.

 

O objetivo desse projeto é promover a interação entre habitantes do município, o ambiente onde vivem e os saberes que foram construídos ao longo do tempo para desenvolver e ampliar o sentimento de pertencimento ao lugar onde vivem, além de valorizar a história de cada local.

Foram abordados os temas, As Relações entre as Comunidades Tradicionais, o Cerrado e sua Conservação, As Propostas do Projeto Geoparque para a Relação entre Turismo Comunitário e as Práticas de Educação Ambiental, e As Identidades e os Saberes Tradicionais na Educação Ambiental.

 

Ascom SD

  • Compartilhe: