Secretaria de Meio Ambiente de São Desidério faz planejamento participativo do turismo

Com o objetivo de realizar um diagnóstico para ampliar as rotas, os fluxos e as políticas para a implantação do Programa Incubadora de Meio Ambiente e Turismo (inMATUR) que propõe fomentar a economia criativa e o empreendedorismo do terceiro setor na perspectiva turística e ambiental, foi realizado na noite de quarta-feira 22 de maio, no Centro Cultural, um momento de planejamento participativo do turismo.

Idealizado pela Prefeitura de São Desidério por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo (SEMATUR), o encontro foi norteado por um bate- papo que contou com a participação do secretário da SEMATUR, Joacy Carvalho, diretores de Meio Ambiente e de Turismo, representantes dos Conselhos Municipais de Cultura e de Turismo, o geógrafo da Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), Dr. Paulo Baqueiro, comerciantes e proprietários de empreendimentos relacionados ao turismo local.

O encontro foi iniciado com a apresentação de um vídeo institucional sobre o potencial turístico do município. “Esse primeiro momento é de sensibilização e troca de ideias para entendermos o que o município precisa desenvolver e de que forma, para melhorar a qualidade do turismo em São Desidério e saber como os empreendedores e a gestão municipal podem colaborar em parceria com a UFOB”, destacou o secretário da SEMATUR, Joacy Carvalho.

O professor da UFOB, Paulo Baqueiro salientou sobre a necessidade de fortalecimento do elo entre o município e os profissionais que atuam no seguimento turístico para que futuramente São Desidério torne-se um pólo de turismo baiano. “A ideia é estabelecer vínculos entre a comunidade local e o turismo para que essas pessoas percebam que podem contribuir e se engajarem no processo de qualificação e profissionalização do turismo local para prestarem um serviço cada vez melhor”, disse o professor.

Para o comerciante Amarildo da Silva, o encontro foi positivo. “É a primeira vez em 12 anos que tenho estabelecimento comercial em São Desidério que participo de uma reunião como esta, a iniciativa é válida, acredito que a partir de agora as demandas vão fluir e esse é um processo que terá resultados à longo prazo, por isso acho importante a participação e colaboração de todos”, complementou o comerciante.

Texto e foto: Ascom SD

  • Compartilhe: